Bancos

HSBC

Bancária é desligada injustamente

Postado: 30/05/2016 - 11:42

Os bancos continuam a demitir, mesmo com a lucratividade em alta. Em uma agência do HSBC de Porto Velho, em Rondônia, uma funcionária foi demitida no retorno das férias. 
 
Com mais de 31 anos dedicados à organização financeira, o caso do desligamento ainda é mais grave porque a bancária é portadora de LER (Lesão por esforço Repetitivo) desde 2004. A doença é adquirida por conta dos movimentos repetitivos, exigidos na função e das precárias condições de trabalho ao longo da vida laboral.
 
O déficit no quadro de funcionários em todas as agências do HSBC resulta na sobrecarga de trabalho e no aumento da pressão por resultados, gera estresse e, consequentemente, precariedade no atendimento ao público. Descaso.