Notícia

[Presidente do BB insiste em falar na privatização]

Presidente do BB insiste em falar na privatização

Postado dia: 14/02/2020 - 15:13

Mesmo com lucratividade expressiva, mostrando que o Banco do Brasil é eficiente, o presidente da instituição, Rubem Novaes, diz que será inevitável privatizar o banco público por causa do avanço das tecnologias. A história contada diverge do lucro apresentando em 2019, que registrou um crescimento de 41,2% quando comparado a 2018. 


A justificativa se baseia em duas tendências do mercado financeiro. A culpa seria das fintechs, que são as empresas que operam os bancos virtuais, e o conceito de open banking, plataforma que padroniza dados bancários. Desculpas que não impediram o crescimento do Banco do Brasil, registrando lucro de R$ 18,16 bilhões no ano passado.


Não é a primeira vez que Rubem Noves declara a intenção de privatizar o banco público. Aliado do ministro da economia, Paulo Guedes, o presidente já revelou os planos de vender partes do BB, além de sucatear a entidade, com demissões e fechamento de agências.