Notícia

[Com Bolsonaro, desmatamento elevou mais de 85%]

Com Bolsonaro, desmatamento elevou mais de 85%

Postado dia: 15/01/2020 - 10:55

Com Bolsonaro, o desmatamento na Amazônia Legal em 2019 aumentou 85,3% na comparação com o ano de 2018. Os estados mais afetados foram Pará (com elevação de 120,58%), Mato Grosso (75,64%), Amazonas (62,18%) e Rondônia (64,59%). Os dados são do sistema Deter-B (Detecção de Desmatamento em Tempo Real). 


Ainda segundo as estatísticas do Deter, divulgados nesta terça-feira (14/01), de janeiro a dezembro do ano passado a área com alertas chegou a 9.165,6 km², ante 4.946,37 km² em 2018. A proporção também é extremamente elevada se comparar com as áreas desmatadas em 2015, que totalizou 2.195 km². 


Mesmo sabendo que o sistema, desenvolvido pelo Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), emite alertas diários de desmatamento em toda a Amazônia, Bolsonaro acusou o sistema de mentir sobre os respectivos dados e agir a “serviço de alguma ONG”, culminando na demissão do ex-diretor do órgão, Ricardo Galvão.