Notícia

[Nova Previdência: um peso para viúvos e órfãos]

Nova Previdência: um peso para viúvos e órfãos

Postado dia: 31/10/2019 - 10:28

Se para o aposentado é difícil se manter com o pouco que recebe, imagina para viúvos, viúvas e órfãos, que, para se sustentar, ficam a mercê de um percentual do benefício que o trabalhador falecido recebia. Esses terão o orçamento familiar reduzido devido às novas regras da Previdência.


O corte é grande. As viúvas que anteriormente recebiam 80% da média sobre os maiores salários do falecido, agora vão ganhar 60%. Em números, se antes a beneficiária recebia R$ 2.000,00 de pensão por morte, passa a receber apenas R$ 1.200,00, o equivalente a 60% do valor total. 


Já os filhos, considerados como dependentes, receberão um adicional de 10% sobre o valor total. Ou seja, se a viúva tiver um filho menor de idade, recebe 70% do valor do benefício (60% dela + 10% do dependente), e assim sucessivamente. O limite é de até 100% do benefício, ou de até quatro filhos menores de 21 anos. As regras serão promulgadas em novembro.


Resta aos beneficiados torcer para conseguirem se sustentar com um valor tão rebaixado em um país com custo de vida elevadíssimo e se submetendo as constantes crueldades do governo Bolsonaro, que arrocha ainda mais o andar de baixo da pirâmide social.